sábado, 5 de março de 2011

Tempo para a família - A família no carro




Escrito por Raquel Lazzarotto   

Quanto tempo você passa com a sua família dentro do seu automóvel? Você já parou para pensar sobre isso?
Estamos falando do tema “Tempo para a família”, e é o nosso dever ajudar você a encontrar alternativas para melhorar a qualidade do tempo que você passa com a sua família.
Uma das alternativas é utilizar o tempo que você e a sua família passam dentro do carro. Pode ser indo para a escola, indo para a igreja, ao supermercado ou outro destino qualquer. Pode estar só o pai ou a mãe com os filhos.

Por experiência própria percebi que muitas vezes o casal conversa, dentro do carro, e as crianças não participam; algumas vezes ficam quietas outras vezes brigam entre si, choram...  Quem nunca viveu uma situação assim? Ou ouve-se uma música alta que ninguém pode conversar?

Para casais com crianças pequenas pode-se utilizar “jogos” como:
* Vamos contar quantos carros azuis passam por nós?
* Vamos cantar juntos? Cada um pode escolher uma música.
* Vamos ouvir a continuação da história que ouvimos durante o passeio anterior? Quem vai continuar a história?

Para crianças maiores pode-se instituir um tema que poderá ser debatido e argumentado por todos. Pode ser que algum filho não queira participar, isto é comum na pré-adolescência e adolescência. Não force, deixe-o à vontade, mas coloque regras de que dentro do carro não serão aceitas brigas ou discussões, é um lugar comum para todos, de uso coletivo e ele terá que aceitar o que a maioria decidir fazer, não será obrigado a participar da conversa, poderá permanecer em silêncio. Você pode incentivá-lo a trazer algum assunto para a próxima saída.
O mais importante é o casal estar consciente que este é um momento em que a família pode estar interagindo e melhorando assim a qualidade do tempo que passa junta.
Eu, pessoalmente, tenho melhorado a qualidade do tempo com meus filhos utilizando também o momento que estamos indo para a escola, tem sido ótimo. Como passamos todos os dias pelos mesmos lugares, brincamos de contar placas, olhamos as horas no relógio da igreja, cantamos....

Percebi que as crianças ficaram mais tranqüilas, e mesmo sendo pela manhã eles têm chegado mais dispostos na escola. Lógico que alguns dias eles não querem saber de brincadeira, então coloco uma música que eles gostem, mas que seja tranqüila, e acompanhamos em voz baixa.
Estas são algumas sugestões, adapte ou crie uma que melhor se encaixe à realidade da sua família.
Boa sorte!


Carinho e Amor.
Fernanda.
Fonte: http://www.casalcristao.com.br/site/index.php?option=com_content&view=article&id=54:tempoparaafamilia2&catid=36:relacionamento&Itemid=60

Nenhum comentário:

Postar um comentário